Morte de Renato Russo completa 20 anos e cantor é destaque em revista

setembro 14th, 20160 Comments »Última Atualização: setembro 19, 2016

A Rolling Stone do mês de setembro traz uma matéria de capa dedicada ao cantor e compositor Renato Russo, cuja morte completa 20 anos no dia 11 de outubro. Apesar de não ser uma revista inteira dedicada ao artista, Renato teve um perfil de sua vida traçado por amigos, familiares e colegas da sua banda, Legião Urbana, que aceitaram dar alguns depoimentos para a reportagem.

Ressaltando principalmente o temperamento e comportamento do cantor, a matéria faz uma detalhada análise sobre como sua personalidade ajudou na composição dos muitos clássicos que o grupo deixou de legado, como “Que País É Este” e “Ainda É Cedo”.

Seus companheiros de banda – Marcelo Bonfá (baterista) e Dado Villa-Lobos (guitarrista) – falaram sobre suas genialidades e seus defeitos na hora de compor ou gravar uma música. “Ele era alegre, divertido, intenso, sensível e contestador. Mas também era perturbador. O telefone tocava de modo diferente quando ele ligava para falar sobre alguma coisa”, afirmou Bonfá.

Além disso, a Rolling Stone cita o amor do músico por grupos de rock estrangeiros, principalmente The Beatles e The Rolling Stones. O jornalista e parceiro do Reduto do Rock, Jamari França, que conviveu com o artista nos bastidores, comentou: “Renato tinha um fascínio grande pelo rock dos anos 1960 e 1970. Uma vez conversamos sobre isso no Noites Cariocas (extinta casa de shows no Morro da Urca – RJ). Ele me perguntou sobre a sensação de ter comprado aquele e outros discos na época em que saíram, quando a linguagem do rock ainda estava sendo escrita”, recorda Jamari. “Renato dizia que os anos 1980, no Brasil, eram na verdade os anos 1960. Por isso, escreveu ‘Bem-vindos aos anos 70’ no encarte de V, o primeiro álbum lançado pela Legião na década de 1990. No show daquela noite, ele me dedicou ‘Ainda É Cedo’ e falou que eu tinha comprado o álbum Let It Bleed (lançado pelos Stones em 1969) quando o disco saiu.”

Renato Russo morreu em 1996 devido a complicações decorrentes do vírus da AIDS. A Legião Urbana ainda realiza shows em homenagem ao cantor e, a partir de outubro, a obra do artista será revitalizada com um álbum de regravações de suas músicas por bandas independentes, reedições de discos, lançamentos de livros, montagem de peça escrita por Renato e uma mega exposição, prevista para 2017.

A edição nº 121 da Rolling Stone Brasil chega às bancas no dia 14 de setembro.

Por: Murilo Pappini Couto (Colaborador RR)
Edição: Diego Centurione
Foto: Ricardo Junqueira

« Com novidades, Expomusic 2016 chega a São Paulo este mês
Red Hot Chili Peppers confirmado como headliner do Rock in Rio 2017 »

Categorias

Revistas

Tags

Comentários

Nenhum comentário


Festivais no Brasil

    Nenhum data presente

Apoio