Com 10 anos de carreira, Trampa divulga o seu terceiro álbum

julho 8th, 20160 Comments »Última Atualização: julho 12, 2016

Reduto de Bandas

Os amigos André Noblat (vocal), Pedrinho “Bap” Cardoso (baixo), Rafael Maranhão (guitarra), Arnoldo Ravizzini (bateria) e Rodrigo Vegetal (guitarra) criaram há 10 anos, a banda Trampa. O grupo brasiliense, que esteve recentemente em turnê com os conterrâneos do Scalene, lançou este ano seu terceiro disco de estúdio, Viva La Evolución!.

O álbum foi produzido por Diego Marx (Scalene e Hover) e traz 10 faixas autorais, com críticas ao conservadorismo da atual sociedade. O trabalho sucede Te Presenteio com a Fúria (2008) e Causa e Efeito (2013).

A banda já tocou em festivais como o South by Southwest (SXSW), DoSol, Porão do Rock e Grito Rock, e agora segue em turnê de divulgação do novo disco. Em maio, a Trampa mostrou ao público o clipe da música “Você” e promete uma novidade inédita para 2017.

Confira o bate-papo do grupo com o Reduto do Rock.

Reduto do Rock: Quando e como surgiu a banda?

André Noblat: O Trampa surgiu em 2006. Cena clássica de amigos de infância que se encontram para tocar. A diversão se transforma em seriedade após a composição da música “Te Presenteio Com a Fúria”, que deu nome ao nosso primeiro CD, lançado em 2008. A partir daí passamos a nos dedicar à construção do nosso próprio som e identidade. Em 2011 fizemos uma turnê com orquestras sinfônicas das principais capitais do país. Dois anos depois, em 2013, lançamos nosso segundo CD e agora, em 2016, voltamos com o Viva la Evolución!.

RR: Qual o significado do nome do grupo?

AN: Trampa significa armadilha, cilada. Casa muito bem com a forma que o grupo enxerga o mundo atual.

RR: Quais os projetos atuais da banda?

AN: Estamos em turnê lançando nosso terceiro álbum, o Viva la Evolución!. Já passamos por São Paulo, pela Região Sul e Centro-Oeste. Em 2017 lançaremos o nosso primeiro vinil, acompanhado de orquestra sinfônica.

RR: Quais são as influências musicais de vocês?

ANRage Against The Machine, Nine Inch Nails, Queens of the Stone Age, Muse, Raimundos, Legião Urbana…

RR: Qual a inspiração na hora de compor?

AN: O mundo, suas contradições, problemas sociais, preconceitos. Essa modernidade indecente e mesquinha que o ser humano conquistou e que agora o mata pouco a pouco.

RR: Beatles ou Rolling Stones? Por quê?

AN: Rolling Stones, pela atitude.

Trampa na internet

Site: trampa.com.br
Facebook: facebook.com/banda.trampa
Twitter: twitter.com/BandaTrampa
Youtube: clique aqui
Soundcloud: soundcloud.com/banda-trampa
Instagram: instagram.com/bandatrampa

Ouça o CD Viva La Evolución!

Spotify
Deezer
iTunes
Google Play
Napster

Vídeos

Sobre o Reduto de Bandas

A seção é dedicada a apresentar novos artistas ao público, através de uma matéria especial. As bandas também respondem a uma entrevista padrão.

É ou conhece um artista e acha que ele merece destaque neste espaço? Entre em contato através do email contato@redutodorock.com. O conteúdo será analisado.

Por: Diego Centurione e Álvara Bianca (colaborou na edição)

« Ingressos para mega exposição dos Beatles, em SP, já estão disponíveis
Hits e solos de guitarra marcam show de Richie Sambora e Orianthi em SP »

Categorias

Entrevistas Exclusivo! Músicas e Vídeos Novo Álbum Reduto de Bandas

Tags

Nenhum comentário