Slash e Myles Kennedy incendeiam São Paulo no último show da turnê

março 25th, 20150 Comments »Última Atualização: março 27, 2015

Cobertura independente – Direto do Espaço das Américas (SP)

No domingo (22), a capital paulista foi palco do último show da turnê Sul-Americana de  Slash, Myles Kennedy e a banda The Conspirators. Eles passaram por seis cidades no Brasil, além do Chile, Argentina, Equador e Peru, trazendo muita energia com a turnê World On Fire do seu álbum mais recente.

Para começar a noite no Espaço das Américas, um outro guitarrista muito conhecido dos fãs do Guns N’ Roses subiu ao palco para a apresentação de abertura. Gilby Clarke mostrou várias canções da sua carreira solo, mas foi ao som dos Rolling Stones que o músico conquistou o público, primeiro com “It’s Only Rock’n'roll (But I Like It)”, depois com, “Wild Horses”, que faz parte do seu repertório desde os tempos do GNR.

O cover “Knocking on Heaven’s Door” também agradou bastante e recebeu uma resposta ensurdecedora da plateia. A grande surpresa veio quando Gilby Clarke chamou Slash para subir ao palco e encerrar o show com a canção “Tijuana Jail,” gravada pelos dois guitarristas em 1994. Foi o primeiro momento de explosão do público na noite.

Conforme anunciado, Slash, Myles Kennedy And The Conspirators tocaram os primeiros acordes da música “You’re A Lie” exatamente às 21h30. Desde a primeira canção, ficou evidente o entrosamento do grupo que já está junto desde 2011, quando Slash estava em turnê para divulgar seu primeiro disco solo. A parceria se consolidou no álbum Apocalyptic Love, lançado em 2012, e está mais firme do que nunca com o último trabalho World On Fire. Myles Kennedy não deixou brecha para dúvidas e se mostrou extremamente a vontade à frente da banda, tendo seu nome ovacionado pela plateia em alguns momentos da apresentação.

Com três discos lançados desde 2011, Slash pôde dedicar seu repertório ao trabalho solo, principalmente ao álbum World On Fire, que se mostrou muito bem recebido pelo público, que cantou e pulou ao som das canções “Avalon”, “Wicked Stone”, “Shadow Life”, “The Dissident”, “Beneath the Savage Sun”, “Bentto Fly” e “World on Fire”. Mas claro que não poderia faltar muita música do grupo que apresentou Slash ao mundo. O Guns N’ Roses foi lembrado em “Nightrain”, “You Could Be Mine”, a clássica “Sweet Child O’ Mine”, “Welcome To The Jungle”, essa com os vocais do baixista Todd Kerns, que também cantou “Doctor Alibi”.

O grande solo da noite veio durante a execução da faixa “Rocket Queen”, com mais de 10 minutos solando e deixando toda a plateia maravilhada com o guitarrista. Slash interagiu pouco com o público, mas estava visivelmente feliz e agradeceu a energia e dedicação dos fãs durante as 2h de apresentação.

O Velvet Revolver também teve seu momento com a música “Slither”. O bis ficou com “Paradise City”, tradicional canção para encerrar o show. Gilby Clarke também foi chamado ao palco para alegria dos saudosos da era Use Your Illusions Tour do Guns N’ Roses. Slash agradeceu novamente a energia da plateia e já prometeu voltar em breve. Com o nível de entrosamento da banda, podemos esperar muito material novo da parceria entre Slash, Myles Kennedy And The Conspirators.

Setlist – Slash

You’re a Lie
Nightrain
Avalon
Ghost
Back from Cali
Wicked Stone
Shadow Life
You Could Be Mine

Doctor Alibi
Welcome to the Jungle
Starlight
The Dissident
Beneaththe Savage Sun
Rocket Queen

Bentto Fly
World on Fire
Anastasia
Sweet Child O’ Mine
Slither
Paradise City (participação de Gilby Clarke)

Por: Ihanna Barbosa (Colaboradora RR)
Edição: Diego Centurione
Fotos: Camila Cara/89FM A Rádio Rock
(Colaboradora Reduto do Rock)

« Lollapalooza Brasil 2015: informações completas sobre o festival
Momentos inesquecíveis na noite em que Porto Alegre recebeu Jack White »

Categorias

Destaque Fotos Shows & Eventos

Tags

Nenhum comentário