Reduto de Bandas: Pagan John

novembro 17th, 20140 Comments »Última Atualização: dezembro 27, 2014

Rock com um toque de folk e versos em inglês. Estes ingredientes são a base do Pagan John, projeto musical criado por Gustavo Pagan no vocal e João Milliet na guitarra. Influenciada por nomes que permeiam desde Beatles, Bob Dylan e Jimmy Hendrix até Chico Buarque e Caetano Veloso, o grupo conta ainda com Mauricio Sousa (bateria) e Leo Wicthoff (baixo).

Nas palavras do Pagan John: “A gente procura compor como se estivéssemos fazendo a trilha sonora das nossas vidas”. E o resultado disso está nas 11 faixas de Black to Grey, álbum de estreia e já elogiado no prestigiado curso “Mix with the Masters”, pelo engenheiro de mixagem Manny Marroquin (Kanye West, Bruno Mars, Alicia Keys, John Mayer e Eminem).

Atualmente, a banda divulga o vídeo que leva o mesmo nome do disco e pretende iniciar uma turnê de lançamento, com shows tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos. Para quem quiser curtir uma prévia, o Pagan John fará uma apresentação dia 20 de novembro, no The Orleans (São Paulo). Informações aqui.

Leia a entrevista completa.

Reduto do Rock: Quando e como surgiu a banda?

Pagan: A banda surgiu de uma parceria de longa data minha com o João. Já trabalhamos juntos em outros projetos musicais anteriormente e em todos eles sempre nos demos muito bem tanto nas ideias musicais quanto na maneira de trabalhar. Em 2011, recebi uma ligação do João e ele veio com a ideia de a gente começar a se reunir semanalmente pra tocar, compor, meio que sem compromisso. O tempo foi passando, o trabalho foi ganhando forma e volume naturalmente!

João: Até que surgiu uma oportunidade para que eu fosse ao curso Mix With The Masters com o Manny Marroquin (engenheiro de mixagem de artistas como John Mayer, Imagine Dragons, Alicia Keys… a lista vai longe). Fiquei sabendo que eu poderia levar uma sessão de gravação em aberto para lá para mostrar ao Manny. Liguei imediatamente pro Gustavo e escolhemos gravar a Black To Grey! Quando chegou a hora de mostrar o som pro Manny em frente a toda a sala, confesso que estava bem ansioso. Assim que a música terminou de tocar, ele elogiou muito a composição e a gravação e começou a bater palmas! Assim seguiu os outros alunos também! Foi um momento muito emocionante, e creio que deu o gás para que a gente passasse a levar a sério a Pagan John!

P: A partir daí a gente teve um norte pra seguir. Continuamos com o nosso processo criativo, que já estava funcionando legal, e quando percebi já havíamos terminado de compor um disco todo em inglês!

RR: Qual o significado do nome do grupo?

P: Essa é bem simples! Não tem pegadinha, hahaha. É apenas o meu sobrenome com o nome do João. Gustavo Pagan e João Milliet. João em inglês é John. Pagan John!

RR: Quais os projetos atuais da banda?

P: No momento acabamos de lançar um Lyric Video da música “Black to Grey” (assista abaixo) e, inclusive, no próximo dia 20 teremos um show para oficializar esse lançamento! Estamos também fechando as datas da nossa primeira turnê que vai acontecer no ano que vem. São datas tanto aqui no Brasil quanto lá fora, nos EUA!

RR: Quais são as influências musicais de vocês?

P: Eu cresci ouvindo um misto de rock’n roll e música brasileira. Meu pai ouvia muito Milton, Gil, Chico e Caetano. Já a minha mãe sempre me puxou pro rock n’ roll com Led, Genesis, Beatles, Secos e Molhados, Iron. Ao mesmo tempo eu sempre fui muito fuçado nessa vida de músico, sempre procurei coisas novas, comprava muito CD quando era adolescente e depois da internet mergulhei de vez nesse mar de informação. A Pagan John é um dos aspectos do meu gosto musical, que mistura dois mundos dos que eu mais gosto: o rock e o folk!

J: Eu também ouvi muito rock e folk. Creio que fui muito influenciado pelo gosto musical do meu pai, que ouvia Beatles, Bob Dylan, Yes,The Police, Jimmy Hendrix… Milton Nascimento e Gilberto Gil me marcaram muito também na infância! Hoje em dia, escuto muita coisa, pois trabalho com produção musical junto ao Rique Azevedo na Cada Instante Produções (nossa produtora/estúdio onde boa parte do nosso disco foi gravado). Creio que Mumford and Sons, John Mayer e Ed Sheeran são os sons “atuais” que tenho escutado mais. Também tenho escutado muito soft jazz como Madeilene Peyroux, e uns Gipsy Jazz para entortar os dedos dos guitarristas!

RR: Qual a inspiração na hora de compor?

P: A gente procura compor como se estivéssemos fazendo a trilha sonora das nossas vidas! Pensamos nas experiências que vivemos ou que gostaríamos de viver e vamos escrevendo com isso em mente! Acho que quanto mais verdadeiro o sentimento, mais cativante e carismática fica a música. Então procuro isso o tempo todo na hora de compor.

J: Minha opinião: compor é foco misturado com o romantismo do ato da composição em si. Para mim não existe o momento perfeito ou a inspiração perfeita para compor, pelo contrário: todos momentos podem ser bons para isso. Explorar os diversos sentimentos e sensações pelas quais passamos no momento em que estamos passando. Pegar esse momento, sentar com o instrumento e tentar desvendar as ideias que surgem. Acho que é mais por aí!

RR: Beatles ou Rolling Stones? Por quê?

P: Com certeza mais do que absoluta não deixando nenhuma sombra de qualquer duvida de maneira cabal e definitiva até que a morte nos separe… Beatles.

J: IDEM! Para mim, são OS grandes cancionistas.

Depoimento sobre o Reduto do Rock

J: Creio que a mídia tem um papel fundamental na vida de qualquer artista. Seja grande ou pequeno, novo ou veterano, consagrado ou desconhecido: é a ponte entre o artista e o público. O Reduto do Rock desempenha muito bem essa função, de manter seu público informado sobre o que se passa no meio da música! Agradecemos o espaço que nos estão dando, pois mais uma vez, isso é sempre muito importante para o desenvolvimento da carreira! Muito obrigado!

Pagan John na internet

Site: http://www.paganjohn.com
Facebook: http://facebook.com/paganjohnband

Lyric Video – “Black to Grey”

Sobre o Reduto de Bandas

A seção é dedicada a apresentar novos artistas ao público, através de uma matéria especial. As bandas também respondem a uma entrevista padrão.

É ou conhece um artista e acha que ele merece destaque neste espaço? Entre em contato através do e-mail contato@redutodorock.com. O conteúdo será analisado.

Por: Álvara Bianca (Colaboradora RR) e Di Centurione

« Robert Plant e Jack White confirmados no Lollapalooza Brasil 2015; veja line-up
Raimundos estreia novo DVD no Multishow, nesta terça »

Categorias

Exclusivo! Músicas e Vídeos Reduto de Bandas Shows & Eventos

Tags

Comentários no Facebook

Nenhum comentário