Show do Coldplay no Rio de Janeiro

março 1st, 20106 Comments »Última Atualização: março 1, 2010

 

Domingo, 28/02/10 – A apresentação estava prevista para ter início às 20h, porém só começou por volta de 20h30. Sinal de que a pontualidade nem sempre é seguida à risca pelos britânicos, mas nada que tirasse o ânimo da plateia, mesmo debaixo da garoa. Composto por muitos adolescentes e pessoas de meia idade, o público vibrou quando as luzes se apagaram e o quarteto formado por Chris Martin, Guy Berryman, Will Champion e Jon Buckland surgiu no imenso palco. A partir daquele momento, a Passarela do Samba deu lugar a um grande reduto do rock/pop. 

Com um belo efeito de jogos de luzes, o Coldplay iniciou o show com duas músicas de sucesso, Life in Technicolor e Violet Hill, o suficiente para aquecer os fãs. Após a introdução, o vocalista Chris Martin, com um português bem carregado, disse “Muito obrigado. Boa noite!”, para vibração das arquibancadas e dos admiradores que estavam nas arquibancadas e pistas popular e vip. 

Como prova do alto investimento dedicado à produção de seus shows, a cada música cantada o jogo de luz era mudado, proporcionando mais beleza à turnê. E para sentir a energia positiva dos cariocas, Chris decidiu pedir ajuda à plateia, com um “por favor” em português, no acompanhamento de Clocks. De imediato, o coro ecoou no Sambódromo. Ele ainda teve tempo para ir até a passarela próxima ao público para um rápido bate-papo: “Incrível! Está todo mundo bem? Vocês são demais!”. Um fã o presenteou com a bandeira do Brasil, que ganhou espaço no pedestal do microfone principal da banda. “Muito obrigado por terem vindo apreciar o show”. 

Ainda na parte inicial da apresentação, os ingleses cantaram Yellow e viram grandes bexigas amarelas serem lançadas ao ar pelo público. Sempre que uma delas voava na direção do palco, Chris as estourava com a guitarra. Parte do público aderiu as cores da logomarca da turnê e sacudia bolas nas cores vermelha, preta e branca. 

Em Strawberry Swing, outro sucesso da banda, os rapazes improvisaram um pequeno palco na passarela, com direito a solos de piano. Já na canção que dá nome à turnê, o Coldplay conseguiu o ponto alto do show, levantando a galera. Quem tinha pouca altura contou com os ombros dos amigos para ter visão privilegiada. 

Aqueles que esperavam um contato mais próximo com os músicos não puderam reclamar. Para surpresa geral, o quarteto desceu do palco e caminhou, por um espaço devidamente reservado, entre a galera. Outra agradável novidade foi Don Quixote, a nova canção da banda. 

Durante um breve intervalo para os rapazes retomarem o fôlego, os fãs se divertiram com a versão remix de Viva La Vida. Enquanto isso, na loja improvisada que vendia lembranças da banda, era possível comprar a R$ 50 pulseiras da organização não governamental mantida pelos músicos. Da renda, 90% são destinados para países pobres da África e os 10% restantes têm o Haiti como destino. As camisetas podiam ser adquiridas por R$ 70 e os pôsteres saiam a R$ 15 cada um. 

De volta ao palco, Chris contou com um guarda-chuva em estilo japonês para se proteger da “chuva” de plásticos picados enquanto cantava Lovers in Japan. Ainda durante essa canção, o público acendeu objetos luminosos, como celulares, máquinas fotográficas e isqueiros, o que gerou um visual interessante na noite chuvosa. 

Death and All His Friends, já em tom de despedida, foi finalizada com mais um “muito obrigado”. Alguns admiradores entoavam a melodia de Viva La Vida. O quarteto deixou o palco, mas a platéia fez questão de esperar pelo tradicional “bis”, que teve The Scientist e Life in Technicolor 2

Público: 34 mil pessoas 

Setlist: 

1.Life In Technicolor – instrumental
2.Violet Hill
3.Clocks
4.In My Place
5.Yellow
6.Glass of Water
7.Cemeteries of London
8.42
9.Fix You
10.Strawberry Swing
11.God Put A Smile Upon Your Face – Techno Remix
12.Talk – Techno Remix
13.The Hardest Part – Chris Solo Piano
14.Postcards From Far Away – Chris Solo Piano
15.Viva La Vida
16.Lost 

Singing in the rain – move to stage 2
17.Death Will Never Conquer – Acoustic sung by Will
18.Don Quixote – Premiere: first time ever
19.Viva La Vida (Remix) Pre-recorded 

Back to stage one
20.Politik
21.Lovers In Japan
22.Death And All His Friends 

Encore
23.The Scientist
24.Life In Technicolor II 

Álbuns de fotos:

Flickr Reduto do Rock – fotos exclusivas!

Flickr Show Coldplay

Terra

Uol

Depoimento:

Não teve chuva ou vento que atrapalhasse a sensação descomunal de quando a banda mais esperada da noite subiu ao palco.Com faíscas em mãos,eles chegaram iluminando a plateia com todo seu esplendor. Ao som de Violet Hill o público ia a loucura, e a cada música que terminava, pessoas gritavam em uníssono o coro de Viva La Vida, só se aquecendo pro que estava por vir.

Chris, de um lado, com todo seu carisma perguntava diversas vezes com seu português britânico se “estavam todos bem”, e pedia pra galera fazer mais barulho do que fizeram no carnaval, e o publico do outro, é claro, obedecia sem devaneios.

Mas a verdadeira surpresa, foi Shiver ter sido tocada, já que não fazia parte do setlist do grupo.Vários se emocionaram, e a chuva que agora já se tornara garoa, servira apenas para limpar as lágrimas dos fãs que não tiravam um segundo os olhos da banda, que se matinha em cima de um mini palco improvisado, para que, até as pessoas que estavam mais afastadas, pudessem sentir seu talento de perto.

Pode-se dizer que, a chuva de borboletas,as dezenas de balões amarelos, e até mesmo os fogos que fecharam a noite , foram apenas complementos, para ninguém botar defeito,pois desde o início já se sabia que seria um noite memorável ,e não deu outra. No fim do show, a única coisa que se passava pela cabeça dos fãs era: “it’s such a perfect day”.

Tatiana Yoko Anzai para Reduto do Rock - Rio de Janeiro

Vídeo de Politik em alta qualidade: 

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=iHZX0StGZRc]

Fontes: Reduto do Rock, Globo, Uol, Terra

« Vanguart comenta abertura para Coldplay
Paul McCartney pode fazer turnê de despedida »

Categorias

Exclusivo! Opinião Shows & Eventos

Tags

Comentários

6 Comments

  1. Bruna disse:

    tá chegaaaaaaaaando

  2. O Dii hein, tá óótimo o post :D

    e táá quaaaaase!

    ainda tenho que escolher minha músicaa ihiii o/

    beijos

  3. Juliana Guimarães disse:

    Qual a graça de ter um blog, se o texto é copiado?

    Podia ao menos ter dado o crédito ao Terra…

    • Se você observar informamos na fonte o “Terra”. Para esclarecimento: temos postagens que utilizamos informações dos nossos parceiros e outras que utilizamos informações exclusivas da nossa equipe do blog ou as duas juntas. Essa postagem ainda será complementada, conforme INFORMADO, com fotos e depoimentos exclusivos de colaboradores que foram ao show do Rio. Convido você a voltar e ver nosso trabalho. Obrigado.

  4. Juliana Guimarães disse:

    Hmm, confesso que não tinha visto… Se já estava ali, me desculpe :)

  5. dart combos disse:

    Very informative post. Thanks for taking the time to share it with us.


Festivais no Brasil

    Nenhum data presente

Apoio