Stone Temple Pilots lança novo álbum em maio

fevereiro 22nd, 20100 Comments »Última Atualização: fevereiro 22, 2010

O Stone Temple Pilots acabou de gravar o sucessor de Shangri-La-Dee-Da, de 2001. O novo álbum, ainda sem título divulgado, deve sair em maio. A banda, que havia se separado em 2003, retornando cinco anos depois, também deverá ter seu próprio festival.

Em entrevista no dia 19 de fevereiro, Scott Weiland, o frontman, falou sobre o disco e os próximos shows da banda. “Acabamos de masterizá-lo”, revelou. “Tocaremos no SXSW (South by Southwest) em março e iremos para a Europa para um grande festival no meio do ano. Então, voltaremos com nosso próprio festival que estamos planejando.”

O baixista Robert DeLeo e o guitarrista Dean DeLeo revelaram recentemente outros detalhes do novo álbum. Entre as faixas, estão Huckleberry Crumble e Between the Lines. A maioria das canções foram gravadas nos estúdios que pertencem a Robert DeLeo e ao baterista Eric Kretz e as vozes de Weiland foram registradas separadamente. “Os fãs ganharão um ótimo álbum”, prometeu o baixista.

O disco foi produzido pelos irmãos DeLeo e mixado por Chris Lord-Alge, diferenciando-o dos anteriores, que contaram com a produção de Brendan O’Brien (Bruce Springsteen, Pearl Jam).

Confere aí a versão deles de Revolution.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?videos=bdfzQ3IUSmA&v=lNyAF_t0BsI&playnext=10&playnext_from=TL]

O Stone Temple Pilots é uma banda de rock alternativo estado-unidense formada por Scott Weiland (vocais), Robert DeLeo (baixo), Dean DeLeo (guitarra) e Eric Kretz (bateria).

Início: Tudo começou com o vocalista Scott Weiland, que em 1991 tinha uma banda de rock chamada Mighty Joe Young. O fim desse grupo e a saída dos integrantes fizeram com que Scott montasse o Stone Temple Pilots, em 1992. Core, o primeiro CD, foi lançado no mesmo ano e vendeu mais de 7 milhões de cópias em todo mundo. Criticados no início da carreira por fazer um som que muitos consideravam uma mistura de Pearl Jam com Alice in Chains, o STP ganhou o prêmio da MTV de Banda Revelação pelo clipe da música Plush e alcançou o respeito no meio musical.

Turnê conturbada: Em 1993, a banda gravou um acústico para a MTV e em 1994, lançou Purple, já consagrada como uma das principais bandas de hard rock. O terceiro trabalho do STP chegou em 1996, Tiny Music… Songs from the Vatican Gift Shop. No meio da turnê, o vocalista Scott Weiland teve sérios problemas com drogas e a banda foi obrigada a cancelar várias apresentações. As músicas desse CD mostravam claramente a situação vivida pelo grupo. Em Tumble In the Rough, um dos versos diz: “Eu estou procurando por uma nova meditação, ainda procurando uma nova maneira para voar, e não uma nova maneira de morrer”.

Projetos Paralelos: Depois desse trabalho, os integrantes iniciaram projetos paralelos. Scott lançou 12 Bar Blues e os outros integrantes chamaram o ex-vocalista do Ten Inch Men, Dave Coutts, e montaram o grupo Talk Show. Em 1999, a banda se reuniu novamente, lançando No. 4. Logo após, Scott foi preso por porte de heroína e o STP teve que parar novamente. Em 2001, com Scott livre, a banda lançou Shangri-la Dee Da. A coletânea Thank You foi lançada em 2003 com os principais hits dos discos anteriores.

Cada um toma seu rumo: Os intermináveis problemas do vocalista com drogas fizeram com que a banda terminasse. Scott Weiland formou então o Velvet Revolver junto com antigos membros do Guns N’ Roses (Slash, Duff McKagan e Matt Sorum) e Dave Kushner (ex-Wasted Youth). Os irmãos Robert e Dean DeLeo começaram a trabalhar com produção musical, lançando o grupo Libertines. Após trabalharem com o ex-vocalista do Filter, Richard Patrick, formaram a banda Army of Anyone. O baterista Eric Kretz construiu um estúdio em sua casa.

Retorno: A banda se reuniu em 2008 após Weiland sair do Velvet Revolver, iniciando sua turnê no festival Rock on the Range em Columbus.

Números e prêmios: Os cinco álbuns de estúdio da banda venderam mais de 17 milhões de cópias somente nos Estados Unidos e aproximadamente 40 milhões no mundo todo. O grupo teve quinze singles no Top 10 das paradas de rock da Billboard, incluindo seis na primeira posição, e um álbum (Purple, de 1994) na primeira posição das paradas pop. Em 1993, a banda ganhou o Grammy por Melhor Performance de Hard Rock com a canção Plush. Stone Temple Pilots também foram classificados na 40ª posição da lista da VH1, Os 100 Maiores Artistas do Hard Rock.

Fonte: Rolling Stone Brasil

« Kiss lança scooter com pintura da banda
Estúdio Abbey Road é declarado sítio histórico »

Categorias

Lançamentos Novo Álbum

Tags

Comentários

Nenhum comentário